Para atrair mais pessoas, o seu hotel precisa definir as políticas e restrições tarifárias que aplicarão em cada caso. Confira: - Bebook
Demonstração Gratuita

Para atrair mais pessoas, o seu hotel precisa definir as políticas e restrições tarifárias que aplicarão em cada caso. Confira:

Uma das coisas mais importantes quando falamos do ramo hoteleiro é a transparência. Políticas confusas, cheias de detalhes complicados e a falta de informações no momento da reserva, são fatores que fazem com que o consumidor fique receoso de fechar negócio.

Por isso, é preciso ter atenção às tarifas cobradas, política de cancelamento, descontos, políticas de “early-booking”, e outras restrições. Pensando nesses detalhes, separamos algumas informações super importantes para o seu negócio. Confira:

1. As políticas de “early-booking”

Você pode configurar uma antecedência mínima e máxima para algumas acomodações e datas específicas. É possível definir restrições de reservas tanto com relação aos dias, quanto às horas, antes do check-in.

Por exemplo: se você quiser que os hóspedes reservem pelo menos 1 dia antes do check-in, o tempo de antecedência mínima para reserva será de 1 dia. Caso você não queira que os hóspedes reservem com mais de 10 dias de antecedência, o tempo de antecedência máxima para reserva será de 10 dias.

2. Mínimo de dias de estadia em alguns períodos

Conforme o Código de Defesa do Consumidor (CDC), a venda casada é caracterizada ou por vincular a venda de bem — ou serviço à compra de outros itens —, ou pela imposição de quantidade mínima de produto a ser comprado.

Normalmente, os pacotes são uma prática comum e aceita pelas pessoas, mas não podem ser a única oferta. Portanto, existe a necessidade de oferecer também a forma habitual de hospedagem ao consumidor.

3. Datas de “fechamento” para saídas e chegadas, especialmente na alta temporada.

Definir e ter as informações das chegadas de novos hóspedes e saídas de outros é o básico e que determina se a rede hoteleira vai ter ou não todos os quartos cheios.

Na alta temporada, a falta desse controle pode gerar inúmeras confusões, correndo o risco de não só perder hóspedes como prejudicar a sua “fita” no mercado hoteleiro. Vale lembrar que, hoje em dia, um depoimento negativo sobre um serviço pode prejudicar e muito a empresa.

4. Tarifas de acordo

É aquela tarifa negociada para operadora ou agência (pode ser ‘net’ — que não possui comissão — ou comissionada para a agência).

5. Descontos aplicáveis nas tarifas de pré-pagamento total

A tarifa antecipada e não reembolsável é um tipo de tarifa mais barata do que uma tarifa normal.

Mas, para isso é necessário o pagamento no ato da reserva com cartão de crédito, cuja política de cancelamento é a não devolução do dinheiro, caso haja desistência da reserva. O pagamento antecipado possibilita uma melhor organização da ocupação e utilização do faturamento.

Gostou das dicas? O bebook mal pode esperar para fazer o seu hotel ter ainda mais sucesso e extrair o melhor faturamento do seu mercado! Cuido das tarifas e muitos outros fatores do seu negócio. Para isso, basta solicitar uma demonstração que é grátis ao clicar aqui!

Blogbook

Mantenha-se atualizado sobre as notícias do meio de hotelaria e atualizações de software que facilitam sua vida e organização.